17 agosto, 2007

brisa do passado

Photo Sharing and Video Hosting at Photobucket




É impossível, como diz a canção, dizer ao sol que abandone
o céu... E é impossível também, no mar de discos da minha
colecção, dizer qual o mais secreto dos seus tesouros...
Mas é possível, no meloso charco do meu sentir, dizer que esta
é uma das capas que mais gosto, tudo por causa da belíssima e
inspiradora fotografia de um tal Dean Nakahara...

Início dos anos setenta. Uma brisa brasileira varrera todo
o mundo. Uma espécie de felicidade tropical contagiante.
Uma música de sabores edénicos. Aqui, sublimada numa
bossa-nova de travo venezuelano. O fabuloso Aldemaro
Romero e sua "Onda Nueva", numa canção de palavras
sublimes assinada por Sammy Cahn e harmoniosos coros a
cargo do grupo vocal "Anita Kerr Singers".

Uma brisa de nostalgia a varrer este blogue. Uma espécie
de saudade de um tempo da minha infância, onde os corpos
não tinham que ser mais do que eram para serem belos.

É, na verdade, e agora canto eu, impossível dizer ao sol que
venha tomar o seu lugar neste nosso mortiço verão, mas talvez
seja possível dizer ao amor que venha, sorrateiro, animar
nossa desconsolada terra...

3 Comentários:

Anonymous Anónimo disse...

boa brisa...

bom de tudo F.



_________
beijo.


y.

18 agosto, 2007 18:14  
Anonymous Costa Nova disse...

Ate ontem a minha praia foi;
"Oh bar! Oh bar! Oh bar!".

hoje ja fui ao MAR. :)

19 agosto, 2007 00:52  
Blogger luz branca disse...

Adoro Sol. Preciso dele.
E, também espero que seja possível pedir ao Amor que venha consolar-me...
... de qualquer forma peço.

30 agosto, 2007 03:14  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial