06 setembro, 2009

inspiração é respirar

A poesia de João Negreiros na voz do elenco do
Teatro Universitário do Minho, hoje às 21 e 30 no Clube literário
do Porto.

"Espectáculo e percurso antológico da poesia de João Negreiros
que tem como objectivo traçar uma rota que vai desde as suas
tendências Neo-Surrealistas até à lírica mais conceptual e sonora.
A interpretação dos actores visa ser oral, naturalista e inovadora,
tornando a literatura mais óbvia, mais universal e mais acessível.
É um espectáculo de emoções extremas e dos sentimentos mais
íntimos e guarda os momentos mais carinhosos que só se par-
tilham com os amantes, os amigos e o público."

Photobucket



"Cinco actrizes, jovens, contagiam quem as ouve e vê com alguns sobressaltos de coração, angústias de pele e ternuras inocentes.
Não é apenas um espectáculo credível, pela amostra de veia solta ou entrega de corpo. É um espectáculo de uma intensidade capaz de, a qualquer momento, nos tirar do sítio, do conforto e da serenidade de espectadores passivos. Num espectáculo do João, com gente que anuncia talento como esta, somos todos cúmplices. Ou então já estamos mortos."

Miguel Carvalho, no blogue "Devida Comédia"

2 Comentários:

Blogger MOLOI LORASAI disse...

a primeira moça da esquerda ao alto lembra a Sabatelli, a Ivone do Caminho das Índias...

06 setembro, 2009 19:56  
Anonymous Anónimo disse...

Cheia de garra esta moça, a dizedora Catarina Miranda.
é sem dúvida impressionante a poesia de João Negreiros.
Também já tive oportunidade de ver o espectáculo, e achei fantástico. Gostei particularmente de atitude destas mulheres. Grande trabalho! continuem
Sandro S.

14 setembro, 2009 14:23  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial