14 setembro, 2008

Após o regresso das férias têm sido dias estranhos. Já lá vão
quase dois meses praticamente sem poder usar a net em casa.
Situação quase insuportável. Vicissitudes várias e uma con-
juntura aziaga de pequenas desgraças tecnológicas fazem com
que a minha actividade blogosférica - sobretudo as visitas regu-
lares aos blogues de que gosto muito -, seja de momento muito
reduzida. Por tudo isso - e por tempo indeterminado -, este
blogue só pode continuar arrastando-se assim, aos bochechos.

7 Comentários:

Blogger firmina12 disse...

uma pena, mas todos trazemos as nossas desventuras das férias

14 setembro, 2008 02:05  
Blogger Táxi Pluvioso disse...

Chama-se tecnologia. Eu estive três meses com defeitos e 18 dias sem Net e no fim era um cabo partido na central.

Todos os dias mandei um mail por outra linha e responderam sempre. Conclusão: as empresas só contratam empregados para Relações Públicas.

14 setembro, 2008 07:32  
Blogger isabel mendes ferreira disse...

beijoooooooooooooooooooooo.


:)

14 setembro, 2008 14:42  
Blogger Claudette Guevara disse...

Aposto que depois voltas em força! Beijos

14 setembro, 2008 23:39  
Blogger hfm disse...

Se isto são bochechos tens-me cá sempre caída ;)

16 setembro, 2008 17:43  
Anonymous Anónimo disse...

NÃO SERÁ ESTE LINDO E ESPECIAL OLHAR SOBRE TUDO, E AS PEQUENAS GRANDES MARAVILHAS, UMA RELES VONTADE DE SER O QUE NÃO É, E NUNCA SERÁ POR TAO PORCO E SUJO INTERIOR QUE ESCONDE!!!!
QUE MENTE DIABÓLICA É ESTA???
ESTOU ATENTA À TUA MARAVILHA...

17 setembro, 2008 17:39  
Blogger francisco carvalho disse...

Dizia eu bem, têm sido dias estranhos...
Tinha agora que me tocar a mim! Após mais de três anos , era natural que alguém um dia viesse desassossegar este espaço.
Eu que tenho logo tendência a imaginar filmes, não estou a ver o filme em que me querem meter. Deve haver aqui algum equívoco.
Cara leitora anónima (ou leitor, quiçá), devo dizer-lhe que provavelmente este não era o blogue que procurava no google nem sequer o seu autor - eu próprio, com rosto e nome - anda à "procura de casa" (como também, quase uma hora depois da primeira busca, você andou por lá a pesquisar...).

Espero sinceramente que isto não passe tudo de um mal-entendido pois a minha "mente diabólica"
não conseguirá descortinar quem possa me querer o mal.

Devo dizer ainda que não estou aqui para receber palavras insultuosas nem comentários absurdos sob a capa do anonimato. Sou um tipo paciente mas não sei se estarei disposto a tolerar outros comentários deste jaez.

Obrigaram-me a escrever o comentário mais triste. Espero não voltar a fazê-lo.

17 setembro, 2008 22:48  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial