16 junho, 2007

16 de junho, de Ana Cristina César

"Posso ouvir minha voz feminina: estou cansada de ser
homem. Ângela nega pelos olhos: a woman left lonely.
Finda-se o dia. Vinde meninos, vinde a Jesus. A Bíblia
e o Hinário no colinho. Meia branca. Órgão que papai
tocava. A bênção final amém. Reviradíssima no beliche
de solteiro. Mamãe veio cheirar e percebeu tudo. Mãe
vê dentro dos olhos do coração mas estou cansada de
ser homem. Ângela me dá trancos com os olhos pintados
de lilás ou da outra cor sinistra da caixinha. Os peitos
andam empedrados. Disfunções. Frio nos pés. Eu sou o
caminho, a verdade, a vida. Lâmpada para meus pés é a
tua palavra. E luz para o meu caminho. Posso ouvir a voz.
Amém, mamãe."

(retirado de A Teus Pés, Editora Ática, Brasil, 1999)

4 Comentários:

Anonymous Anónimo disse...

amém Coração voz e funcionalidade da escolha.




não conheço...mas gostei. mt.


obrigada.


bom sábado F.



Bjo.


y.

16 junho, 2007 11:32  
Blogger H em stª Apolónia disse...

francisco... preciso do teu mail, tenho um "segredo" para contar.

( tens o meu de trabalho? em caso afirmativo, manda-me um mail para te poder responder e contar da descoberta do segredo... )

17 junho, 2007 01:48  
Blogger francisco carvalho disse...

podes contar para franciscocarvalho@tvtel.pt
mas será que eu já adivinho?...será que a m em campanhã levantou já um pouquinho do véu?...

fico a aguardar, ansioso.
;)

17 junho, 2007 03:25  
Blogger hfm disse...

Sempre ela.

17 junho, 2007 11:29  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial