13 dezembro, 2009

aviso aos consumidores

A verdadeira escritora de romance
senta-se para escrever o seu romance
sem um gesto de êxtase. Aliás, o êxtase é incompatível
com um verdadeiro romance.

Um verdadeiro romance é uma corrente
contínua: um acto produtivo.

Aliás, a verdadeira escritora de romance
não acredita em poetas. Ela cria a rede, a atmosfera
poética,
mas a atmosfera poética está ainda dentro da sua
distribuição terrestre.

A verdadeira escritora de romance
não neutraliza as suas forças e emoções
num biscate supérfluo.





Eduarde Chiote
em "a preços de ocasião" (&etc, 1987)

2 Comentários:

Blogger MOLOI LORASAI disse...

a verdadeira escritora de romance
...
se cala.

13 dezembro, 2009 20:59  
Blogger MOLOI LORASAI disse...

eu desconfio no sentido estrito
eu desconfio no sentido lato
eu desconfio dos cabelos compridos
eu desconfio do diabo a quatro

alceu valença

15 dezembro, 2009 22:46  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial