25 maio, 2008

inquinados domingos que sempre me inquietam



e este poema, sem título, de "A Cal dos Muros"
de António Dacosta

Neste domingo de álbum
Tudo é colecção
Estética do mesmo
Espelho de outros
Repetição

3 Comentários:

Blogger MOLOI LORASAI disse...

e o nosso acordo ortográfico?

26 maio, 2008 00:00  
Blogger LM,paris disse...

Serà o Antonio Dacosta pintor?
Desculpe esta pergunta,mas adoro a pintura dele.
Abraço,
LM

26 maio, 2008 02:20  
Blogger francisco carvalho disse...

Sim, sim, LM, António Dacosta é o pintor que eu também admiro muito. Belo poeta, também. E "A Cal dos Muros" é uma edição lindíssima da Assírio & Alvim.

Abraço

26 maio, 2008 09:57  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial