09 abril, 2008

será estranho este gosto por epitáfios

será tola morbidez?
mas quem não imaginou já, ou mesmo escreveu, um
poético e assertivo epitáfio?
aqui deixo um de que gosto particularmente, da autoria
de Luisa Neto Jorge.

Epitáfio

Querida vida,
pobre pó.
Tão pó a pó.
Após, a pó.

4 Comentários:

Blogger hfm disse...

Tão dela. Tão real. Tão só.

10 abril, 2008 09:51  
Anonymous Anónimo disse...

Conheço um que diz:
«Tem respeito por mim
Eu já fui como tu,
e tu, virás a ser como eu.»

Edu

10 abril, 2008 10:02  
Blogger MOLOI LORASAI disse...

À GUIZA DE EPITÁFIOS, foi restaurado o INSTÂNTANEO DE BLOGUES
ABOUT FRANCIS OAK, MOLOI AND ISABEL MENDES FERREIRA.

10 abril, 2008 13:11  
Blogger isabel mendes ferreira disse...

...............................
...............................








.
................................


o resto é mesmo pó.


(Ela ....especialíssima)


.



beijo.


F.

10 abril, 2008 16:32  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial