13 maio, 2006

um beijo roubado para vocês

Photobucket - Video and Image Hosting
© 2006 (sobre foto de Édouard Boubat)

Este blogue fez, portanto, um ano.
(Não foi apenas mero fruto das circunstâncias, mas também
uma pequena provocaçãozita, o facto da minha aparição na
blogosfera ter surgido em vésperas do mariano 13 de maio).
Foi longo o caminho. Longo e inesperado. Tão aberto de possi-
bilidades que eu não suspeitava. Como que uma estrada de
margens vertiginosas, povoada de miragens tentadoras.
Foi também muito prazeirento, uma espécie de vício danado.
Creio que lá fui conseguindo cumprir, uns dias melhor, outros
pior, umas vezes apressado, outras menos inspirado, os pro-
pósitos a que me confiei desde o início.
Lá tenho revelado, deixado transparecer meus segredos, meus
gostos, meus estados de alma. Lá tenho jogado com as minhas
fragilidades.
Tentei não falhar nenhum dia. Só não postei nas minhas férias
de verão, e um ou outro dia no Natal e no Carnaval, por não ter
a rede à mão. De resto, foi sempre um belo esforço.

Mas o mais importante de tudo foram vocês. Sobretudo aqueles
que por cá se foram habituando a passar. Que por cá se foram
fidelizando, deixando quase sempre comentários agradáveis.
Que por aqui vieram sempre por bem.

Hoje sinto que tenho amigos que não conheço.
Verdadeiros amigos, ainda que virtuais.
Já não passo sem as vossas atenções, as vossas
emoções, os vossos carinhos.

Agradeço a todos.
Meu abraço a todos os que aqui deixaram os parabéns.
E um beijo muito especial para a Cristina que me tornou o dia
ainda mais feliz.

Peregrino do meu próprio caminho, este blogue se fará andando.
Agora, aviso já, mais calmo, menos preocupado com a obrigação
de vir cá todos os dias, menos obssessivamente, menos compul-
sivamente.
Para ter um pouco mais de tempo para os livros (hoje só o consigo
para os jornais e os blogues!), para os filmes, os discos, as minhas
crianças.
Para poder respirar um pouco mais o silêncio.

Espero que por cá continuem a passear.
Que venham, se sentem, se sintam como numa esplanada,
como numa varanda sobre o mar.

Mais uma vez, obrigado.
Bem hajam.

7 Comentários:

Anonymous guevara disse...

Hoje sinto que tenho amigos que não conheço.
Verdadeiros amigos, ainda que virtuais...

:)

13 maio, 2006 17:02  
Blogger Bill German disse...

i still listen to nancy sinatra and lee hazelwood.

14 maio, 2006 03:13  
Blogger hfm disse...

Embora atrasado o meu obrigada pelos momentos que aqui colhemos.

14 maio, 2006 08:28  
Blogger Mendes Ferreira disse...

eu é que agradeço. e muito!!!!!!!!!


e sempre!

para sempre!


retribuo o beijo.

14 maio, 2006 11:33  
Blogger MOLOI LORASAI disse...

Eu vim sempre por bem, embora o Francisco acredite no contrario!
Deixarei de vir.

14 maio, 2006 14:14  
Blogger Nuno disse...

Parabéns!
Abraço, Nuno.

15 maio, 2006 14:14  
Anonymous Anónimo disse...

muito em segredo....mesmo. quer passear no doladodomar.blogspot.com?


(beijo)

15 maio, 2006 21:45  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial