09 novembro, 2005

ter e não ter

tenho nos sonhos
anseios de crisálida ou de cristal
o turvo crescer do mar.


tenhos nas mãos
o cio de um sorriso
que te quer ao pé de mim.


mas também nos lábios
o voo da gaivota
que a rir de mim se vai.


e nos olhos tristes
apesar do lume aceso
as palavras que se enganam.

1 Comentários:

Blogger hfm disse...

Gostei muito das "palavras que se enganam".

10 novembro, 2005 15:01  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial