26 junho, 2005

Aí, seu "Tomzi"!

Image hosted by Photobucket.com
© Porto 2005

Tom Zé e sua trupe entram no palco montado nos jardins do Palácio de Cristal.
Entram escarnecendo, fingindo escarnecer da Mulher, de todas as mulheres.
Havia gente que não sabia ao que eles vinham. A meu lado uma mulher, atónita, escandalizada , vira-se para uma amiga e comenta "como era possível aquilo, ele que tem uma mulher tão bonita, vi-a no programa do Jô Soares...".

Mas rápidamente todos se renderam à música daquele louco vestido de mendigo, àquele teatro pobre, puro, quase naïf. Àquela opereta popular. Àquele pagode de mil roupagens.
Todo o mundo se meneou, abanou, aplaudiu, riu, pulou e até cantou.
E o céu do Porto até ficou "mais consistente" como disse Tom Zé, pondo toda a gente a cantar "Foi o Bush, foi o Bush, foi o Bush..."

Só de pensar que este homem, o mais verdadeiro e inventivo dos tropicalistas, tem quase setenta anos...este "manoeloliveira" da música brasileira...até a idade de meu pai parece inverosímil...O homem sofre mesmo de juventude!

Um dia irei a Irará.

2 Comentários:

Blogger MOLOI LORASAI disse...

irei a irará
i rei a ira rá

28 junho, 2005 10:47  
Blogger francisco carvalho disse...

irei a irará
i rei a ira rá
errei a ira já
cá fica rei lá

28 junho, 2005 15:28  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial