14 maio, 2014

Ano nono de caminhos




Singulares e plurais.
Ora menos ora mais.
Festa de coisas boas.
Críticas e também loas.
Aparições e aparecimentos.
Criações ou nadas aos ventos.
Citações e pensamentos.
Excitações e aborrecimentos.
Paixões e arrebatamentos.
Anotações e desprendimentos.
Visões e movimentos.
Imagens e palavras das margens.
Acordes e raccords.
Fotos e metáforas.
Cios e cicios.
Fios e vazios.
Opaca nudez.
Ou luz e aridez.
Nove anos tamanhos.
Um de cada vez,
foi muito breve aqui chegar.
Crescendo devagar.

 Saravá, a quem vem por cá!

   photo pixlr_sombras_alfazema_web650_zps5d0c5ec3.jpg © Porto, 2005

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial