23 junho, 2007

um poema desenhado de Nicolau Saião

MAYTE BAYON

Segredos quem os tem

Se fosse só
a toalha aos quadrados, o gato na soleira
o pão torrado, o peixe frito
era caso para lançar ao vento
muitos quilos de infinito
músicas de outrora, terrores
e uma que outra solidão pintada

Mas desta forma
não é preciso:
há sempre o mar, o frio, essências
e outros jogos eternos e inocentes.


(retirado do nº 2 da revista 'apeadeiro', edições Quasi)

1 Comentários:

Blogger isabel mendes ferreira disse...

essências
e outros jogos eternos e inocentes.
___________________________
___________________________





boa tarde...ainda é s. joão?


(odeio posts a zero)


beijo. porque sim e sim e sim!


sorry.

23 junho, 2007 18:36  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial