18 novembro, 2007

"Fifth Avenue", um poema de J.M.Fonollosa

Isto de um homem se sentir só, à saída
do trabalho, do cinema, ao ir pra casa...

Saber que ninguém espera que cheguemos,
para alegrar-se ao ver-nos, ou rechaçar-nos,
torna inimiga, deserta
e inóspita a mais povoada rua.

Os amigos... Contam-me problemas
e com a pressa desandam. E uma pessoa fica
de novo e outra vez sozinha, constrangida
a enroscar-se no seu ego e no seu tédio.

Com que vazio deparamos em nós próprios
quando buscamos o nosso eu interno.
Que ser desagradável se contempla
examinando o nosso próprio ser.

E aqui, entre tanta gente, na cidade,
sentimos que nada interessamos a ninguém.

(do livro "Cidade do Homem: New YorK", tradução de
Júlio Henriques)

8 Comentários:

Blogger Pinky disse...

Isto de uma mulher se sentir só,...
:)

18 novembro, 2007 23:27  
Blogger francisco carvalho disse...

e que título darias ao teu poema?
;)

18 novembro, 2007 23:39  
Blogger hfm disse...

Belíssimo.

19 novembro, 2007 13:13  
Blogger un dress disse...

a cidade é cega

o tempo escava-nos por dentro

em todos os lugares

e até das flores mais vermelhas

não se encontra o rasto



~

19 novembro, 2007 20:59  
Blogger Mónica (em Campanhã) disse...

bonito poema

será que podemos ver aqui de cima o teu filme de que fala a Carla lá em Elsinore?

19 novembro, 2007 22:24  
Blogger francisco carvalho disse...

Olá, Mónica. Obrigado pelas tuas palavras.
Quanto ao filmezito, o que queres dizer com vê-lo aqui de cima? Vê-lo aqui no blogue? Já coloquei o filme aqui no blogue, mais ou menos há um ano. Creio estar nos arquivos de Novembro 2006. Mas se clicares em "filminho" no 'post' da Carla vais directamente ao site do Festival. Eu preferia assim, pois a imagem foi ligeiramente melhorada. Tens que entrar em "Ver Filmes". Até ontem, o meu estava na "página 41" mas agora parece não ter lugar fixo. Deves procurar por "A Vida Gira". Se calhar, já o viste.
:)
De qualquer modo, lá o filme está - além de visível entre os seus pares -, comentável e até votável.

beijinhos

19 novembro, 2007 22:44  
Blogger bettips disse...

Mesmo que alguém à espera. a solidão também está nas tuas ruas.
(ah...já sei donde vim, da Carla de E., pois) Abç

20 novembro, 2007 17:04  
Blogger Pinky disse...

Humm... Ruas de Celas
;)

21 novembro, 2007 04:02  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial