21 fevereiro, 2006

petit divertissement (à moda do porto)

joaninha boa, boa!
c'o vento do amor
não traz coisa voa!

Image hosting by Photobucket
© Porto, 2006

3 Comentários:

Blogger l. disse...

E quanto vale a simplicidade das coisas? São estas coisas que fazem boar a imaginação. Digo assim porqe gostei da forma, embora seja de Lisboa...
l.

(mais uma vez, imagem bonita, gosto do seu gosto)

21 fevereiro, 2006 18:00  
Blogger feniana disse...

é engraçado a memória que fui buscar com este teu post.
no jardim lá de casa procurava joaninhas que deixava que me percorressem a mão enquanto, baixinho, dizia algo que não me fazia sentido:

joaninha
voa, voa
que o teu pai foi
pra lisboa

e se a joaninha voasse eu acreditava que ela ouvia
e se a joaninha não voasse eu
acreditava que era surda

mas, de qualquer modo,
perguntava-me sempre o porquê do pai da joaninha ter ido para lisboa...

era na idade da inocência,
na idade em que temos todo o tempo do mundo.

22 fevereiro, 2006 09:36  
Blogger francisco carvalho disse...

dizias tu, feniana, e dizíamos todos!
todos sem saber porquê e todos felizmente inocentes.
a minha primeira tentação/intenção foi precisamente acompanhar a imagem com essa antiga lengalenga; depois, talvez por não lhe achar sentido, resolvi subverter...

22 fevereiro, 2006 09:57  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial