21 março, 2010

de ingeborg colocar o poema no silêncio do blogue

Coloca uma palavra
no vale da minha mudez
e planta florestas de ambos os lados,
para que a minha boca
fique toda à sombra.





de Ingeborg Bachmann em "O Tempo Aprazado"
(tradução de João Barrento e Judite Berkemeier)

2 Comentários:

Blogger raquel disse...

Belo, muito belo, este poema que se enraíza no silêncio :)

21 março, 2010 15:04  
Blogger ma grande folle de soeur disse...

Gostei deste post pk gostei do poema e pk a Judite Berkemeier é na realidade uma amiga minha e sei a história desta traduçao ;) le monde est petit comme petit! ;) abraço

22 março, 2010 15:58  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial